Ganhadora do Nobel de literatura em 2013, Alice Munro é contista sutil, de aguçada percepção física e psicológica. Suas histórias fluem com tremenda naturalidade. A autora relata as vidas e dramas dos moradores de pequenas cidades do Canadá de forma tão sensível e cristalina que é como se pudéssemos vê-los, tocá-los, participar das suas conversas. Seus contos são longos, detalhados, vão e voltam no tempo, mas nunca deixam o leitor escapar.

A AUTORA

Nome

Alice Ann Munro

Nascimento

1931, Wingham, Canadá.

Língua

Inglesa

Sobre Alice Munro e sua obra

O LIVRO

Título

Ódio, amizade, namoro, amor, casamento

Tradução

Cássio de Arantes Leite

Editora

Biblioteca Azul

Contos

  1. Ódio, amizade, namoro, amor, casamento
  2. Ponte flutuante
  3. Mobília de família
  4. Conforto
  5. Urtigas
  6. Coluna e viga
  7. O que é lembrado
  8. Queenie
  9. O urso atravessou a montanha

Fragmento

“Ela realmente não estava com medo, não mais, de ser descoberta – embora ainda não conseguisse entender por que não haviam sido. E de certo modo, parecia simplesmente perfeito que as travessuras de seu antigo eu não devessem guardar nenhuma relação com seu presente eu – muito menos com o verdadeiro eu que, assim esperava, viria à tona assim que deixasse aquela cidade e todas aquelas pessoas que pensavam conhecê-la. Era a guinada completa daquela conclusão que a deixara boquiaberta – parecia fantástica, embora estúpida. E insultuosa, também, como algum tipo de piada ou advertência inepta, tentando cravar suas garras nela. Pois onde, dentre a lista de coisas que planejava conseguir em sua vida, havia qualquer menção ao fato de que seria a responsável pela existência no mundo de uma pessoa chamada Omar?” (Ódio, amizade, namoro, amor, casamento, conto de Alice Munro)